27 dezembro 2009

o clube Bilderberg ou de como somos todos umas marionetas neste circo


começo por esclarecer o meu ponto de vista sobre o assunto, socorrendo-me de 2 ditos populares: não há fumo sem fogo, e também .. no creo en brujas, pero que las hay.. 
  
Então e afinal,  o que vem a ser este tal de clube de Bilderberg?

O Clube de Bilderberg é uma conferência anual não-oficial cuja participação é restrita a um número de 130 convidados, muitos dos quais são personalidades influentes no mundo empresarial, académico,  mediático ou político (...) Reúnem-se em diferentes partes do mundo, quase sempre em propriedades da família americana Rockefeller ou da europeia Rothschild. (...) O objectivo, desde sempre, teria sido a implantação de um governo mundial (...)
 
O título "Bilderberg" vem do que é geralmente reconhecido como o local em que ocorreu a primeira reunião oficial em 1954 - o Hotel de Bilderberg em Oosterbeek, na Holanda. (...) 
Participantes do Bilderberg incluem membros de bancos centrais, especialistas em defesa, barões da imprensa de massa, ministros de governo, primeiros-ministros, membros de famílias reais, economistas internacionais e líderes políticos da Europa e da América do Norte. (...) Donald Rumsfeld é um Bilderberger activo, assim como Peter Sutherland, da Irlanda, um ex-comissário da União Européia e presidente do Goldman Sachs e British Petroleum.  
A localização da reunião anual não é secreta, mas os temas das reuniões são mantidos em segredo e os participantes assumem um compromisso de não divulgar o que foi discutido. fonte

Em entrevista (de 2006) ao 'Semanário', Daniel Estulin, que investiga o clube de Bilderberg há treze anos, fala sobre os portugueses que têm participado nas suas reuniões (ver lista),  da influência de Bilderberg na escolha de Durão Barroso para presidente da Comissão Europeia. Henry Kissinger, um membro permanente de Bilderberg, terá dito o seguinte sobre Durão: é "indiscutivelmente o pior primeiro-ministro na recente história política. Mas será o nosso homem na Europa". (...)
« Muito tem sido dito acerca de Barroso ter escolhido o seu companheiro do PSD, Santana Lopes, para seu sucessor. Essa escolha foi intencional, como toda a confusão que se seguiu.  (...)  À semelhança de Santana, Sócrates também participou na reunião de Stresa e menos de um ano depois também era primeiro-ministro... O que as pessoas não sabem é que a falsa noção de democracia é suposto ser isso mesmo - um truque. A esquerda e a direita são propriedade dos bilderbergers, não só em Portugal como em todos os países. Barroso é um bilderberger, assim como Sampaio, Lopes, Sócrates, etc. Na Alemanha, tanto Merkel como Schroeder, estavam presentes na conferência deste ano. Da Espanha, Rato, presidente do FMI e ex-ministro das Finanças de Aznar, esteve presente em Rottach-Egern, este ano. O conselheiro económico-chave de Zapatero, Miguel de Sebastian, também lá esteve. Blair é um bilderberger (...) » ler mais
 
O livro de Daniel Estulin "Clube Bilderberg, os Senhores do Mundo", (que, ao que sei, aqui esteve anos proibido), foi recentemente lançado em Portugal com chancela da Temas e Debates.


*
De há muito que dele venho ouvindo falar como um antro conspirativo, manipulador e sem escrúpulos. Que  inclusive, e alegadamente, o clube teria recentemente escolhido o nosso país como uma espécie de balão de ensaio, para aferirem do quão longe poderão ir, nos seus maquiavelismos dominadores. A ideia, por outras palavras: até que ponto podemos nós transformar um povo inteiro numa massa abúlica, embotar-lhes o espírito, reduzir-lhes a capacidade de reacção, de modo a que (e lá vem o G. Junqueiro de novo..) "nem já com as orelhas consigam sacudir as moscas"?

A minha tendência tem sido a de desvalorizar, integrar a teoria maquiavélica no largo rol das notícias sensasionalistas. Só que .. de facto..
ora vejamos:
  • em que outro país (europeu, enfim..) se toleraria manter no poder um primeiro ministro tão carregado de suspeições, o nome mais manchado que botas chafurdando num lamaçal?
  • que outro país (democrático, ocidental..) ousaria, em tempos de crise,  sequer engendrar, quanto mais levar avante, projectos megalómanos de utilidade mais que discutível como um novo aeroporto e um TGV?
  • que outro país, ainda, atacaria tão aberta e sistematicamente os funcionários do seu sector público, com vista a destruí-lo nas suas vertentes mais emblemáticas (saúde, educação) , substituindo-o por um sector privado, custeado pelo estado e de acesso restrito - e, cereja em cima do bolo, com o beneplácito do séquito vociferante e acéfalo dos principais futuros lesados?
Também a nível mundial (leia-se Europa, Estados Unidos, Canadá) ..
  • que dizer, por exemplo,  da invasão do Afganistão depois da ainda tão nebulosa paternidade dos ataques de 11 de Setembro em NY? 
  • que explicação para o irracional envolvimento de tantos na guerra do Iraque, para as tretas que nos impingiram sobre os imensos - e afinal inexistentes - arsenais nucleares que supostamente ameaçavam a ordem mundial?
  • e mais recentemente, que pensar da histeria criada à volta da gripe A , da sua mais que comprometida vacina, o seu dúbio Tamiflu? Donald Rumsfeld, accionista da farmacêutica fabricante , bilderberger residente..
É.. dá que pensar.. não dá?!

Lá que somos manipulados, sujeitos a diária lavagem ao cérebro, as nossas mentes 'formatadas', disso não tenho dúvidas. Basta ligar a TV, esse anestético imbecilizante. Ou estar atento às  primeiras páginas dos jornais, à  publicidade:  o que interessa ou não divulgar, os valores que se veiculam e os que se rejeitam..
  • não querendo voltar a bater na mesma tecla, porquê a cruzada contra os fumadores, e em paralelo a bênção aos bebedores? Será porque, precisamente, a nicotina activa os neurónios, enquanto o álcool os embota? 
  • e porquê o primado do futebol, e mais em força que nos tempos do fascismo!, em tudo quanto são meios de comunicação de massas? Porquê ronaldos e quejandos sempre, em tantas capas de revistas e pasquins, e todos os dias? com referências a bruxos e maus-olhados?!! Dir-se-ia termos voltado a uma época cavernosa de medievalismo obscurantista, só que desta feita  mediatizado e globalizado, tal vírus paralisante propagando-se à velocidade de megapixels.
  • e a TV. As telenovelas, contos de fadas alheando-nos da realidade. As séries fantásticas e fantasiosas, outros mundos fora do mundo - este, o nosso. Os telejornais, por fim: as tragédias domésticas e os cataclismos naturais. Os descarrilamentos,  os desabamentos, as bombas, as guerras. Os ataques suicidas. Os atentados terroristas. Os assassinatos os gangs a insegurança os raptos a pedofilia a delinquência juvenil.  Que engrossa e grassa e grassa e grassa, no seio das nossas comunidades. Logo ali ao virar da esquina, mesmo atrás da porta das nossas desprotegidas casas (salvam-se talvez.. os condomínios fechados) , o perigo, e O MEDO! 
O medo: a trela pela qual nos sujeitam, cabisbaixos e temerosos, suplicando medidas e protecção - com que nos controlam e violam  os nossos mais íntimos, mais intrinsecamente inalienáveis (ah, L.King!) direitos. Direitos para os quais, quer-me parecer, eles, os bilderbergers e outros senhores do mundo, se estão completamente 'nas tintas'.

E está visto, embarquei na teoria da conspiração. Vou comprar o livro.
Se por acaso algum aluno aqui me vier ler, um conselho: vejam os artigos, informem-se, pensem!!, tirem as vossas próprias conclusões.
Ah, e por favor, ao menos, parem de ver televisão!


*

artigos e vídeo relacionados: 
  • Bilderberg, o plano oculto de dominação mundial : aqui    
  • The Bilderberg Club is an international decision making centre.. more 
  • http://www.bilderberg.org/ - um site com listas e listas de ligações para casos muuuito duvidosos, alguns boatos à mistura (parece-me..), uma página assim ao jeito de Michael Moore (cineasta, documentarista e escritor norte-americano conhecido pela sua postura crítica em relação às grandes corporações, à violência armada, à invasão do Iraque e à hipocrisia dos políticos)
  • fórum sb estes assunto

      6 comentários:

      Luis Faria disse...

      Olá Ana Lima, adorei o comentário! Vou ser sincero, acho que pelo sem fim de temas nele mencionados não me convence de nada em concreto. Mas, pela forma como está escrito (ponho este exemplo - só que desta feita mediatizado e globalizado, tal vírus paralisante propagando-se à velocidade de megapixels - brilhante!) convece-me a ler o livro, os artigos que propões, enfim, convece-me a pensar.
      Como não podia deixar de ser não vou deixar passar por alto a tua defesa do tabaco. Porquê esta criminalização do tabaco? Porque nos EUA é a causa de 23% das mortes prematuras. Isto significa uma perda muito significativa de anos de vida (de trabalho) perdida, com respectiva perda de milhões de dólares. O álcool não os faz perder tanto dinheiro e que eu saiba está criminalizado de forma mais severa que o tabaco em todas as ocasiões em que o seu consumo interfere com a vida dos outros.
      Mas tirando isso o artigo está muito bem escrito e desperta muito o interesse sobre o tema!
      Parabens!!!

      TM disse...

      Ana, já conhecia o livro e já o li há um tempinho... Penso que a edição que saiu agora mais recentemente é outra, mais actualizada, com outras coisas que o outro não tinha, mas também com algumas coisas retiradas que o outro tinha... Mas isto foi o que me disseram, que o que eu li foi o tal que foi proibido por cá (só esteve um dia à venda e depois saiu das prateleiras...), emprestado. Mas aquele que li também dá muito que pensar em alguns acontecimentos mundiais, fazendo o paralelismo com os intervenientes nas reuniões... E também dá que pensar que algumas das coisas que 'teóricos da conspiração' disseram há um tempo atrás, tornou-se mesmo verdade... Mas não digo mais, para não estragar a leitura :D

      Beijinhos ^^

      AL disse...

      Olá Luís Faria:
      concordo, o comentário dispara em todas as direcções, é capaz de ter ficado baralhante. mas a intenção era um bocado essa, mostrar q os bilderbergers (e outros como eles) controlam absolutamente tudo:

      ao nível da política mundial, quase ñ haverá discussão, acho..
      .
      qto ao burgo-balão de ensaio, é o que se vê: espezinhem qto possam. se estes não reagirem, temos luz verde, passamos aos restantes.
      .
      agora, importante mesmo, crucial, é controlar os media - Pinto Balsemão é bilderberger, o português com maior poder-sombra..

      nos tempos em q eu via televisão, bem q me dava conta: estalava um qq conflito israelo-árabe, e a televisão inundava-nos de filmes, séries, sb o holocausto, judeus vitimizados. ou usava metáforas facilmente desmontáveis por parte de quem estivesse atento, essas sbt ao nível da publicidade - incrível, não? até pela publicidade!! ñ me lembro agora de exs concretos. lembro-me, sim, de como me espantava com a essa inteligência-por-detrás, com o brilhantismo, a rapidez, a eficácia da sua actuação.. mensagens óbvias ou sub-liminares enformando uma consciência global.

      apercebia-me de que havia um cérebro, um 'centro' manipulador. não sabia era identificá-lo..

      triste, triste, é q já quase ninguém consiga pensar, os neurónios inapelavelmente embotados por horas e horas diárias de entorpecedores, sejam eles a bosta televisiva ou os jogos de vídeo.

      Anónimo disse...

      completamente non sense

      QYOZOU disse...

      Convido-te a consultar uma publicação minha (embora com texto alheio e pouco da minha autoria)
      "Conferências Bilderberg e a frequência portuguesa desde 1988"

      http://www.scribd.com/doc/23164608/Conferencias-Bilderberg-e-a-frequencia-portuguesas-desde-1988

      O teu texto está bom mas não sou adepto da teoria da conspiração; apesar do seu poder, Bilderberg não está por detrás de todas as pedras. Sei do amor que tens ao tabaco mas não creio que o proibicionismo seja da autoria do Bdb e já vi um comentário que te fizeram sobre isso e que subscrevo.

      Portugal é vítima do seu atraso social, político e cultural - 200 anos de inquisição, 48 de fascismo, 10 de cavaquismo - por deter a burguesia mais tacanha da Europa que fomentou o analfabetismo e fomenta hoje o modelo do baixo salário e da ignorância. Contrariamente a Espanha o perfil educativo médio dos patrões é inferior ao dos trabalhadores por conta de outrem. Portugal é um caso único de potência colonial colonizada que dota nos portugueses uma sensação de europeus sem nada terem a ver com as normas dos restantes países.

      Não creio nesse ensaio dos Bdb aqui. Pensar desse modo é como que nos desculpabilizar-mos dos nossos azares, pois somos vítimas de uma conspiração contra nós. Somos vítimas, sim do nosso atavismo, da nossa incapacidade organizativa para fazer desaparecer uma burguesia absolutamente incapaz, encostada historicamente ao Estado e que cada vez nos pressiona mais pois as migalhas do crescimento económico mundial vão raareando

      Quanto ao Durão, acredito que o Kissinger tenha dito isso; aqui, o Ricardo Salgado, ordenou, na campanha de 2002 que ele nunca falasse de improviso, nem em directo com outrem, pois o idiota havia defendido a privatização da CGD - o que arrepiou o Salgado, naturalmente, que nunca lhe encomendaria esse sermão.
      Quando ele foi para Bruxelas dizia-se que era um género de menor divisor comum; e também é nessa lógica que se mantém

      Em 2004 estiveram em Bdb os queridos Santana e Sócrates; este último estava na rampa de lançamento. Em 2009 a Manuela (antes das eleições, claro) e o Manuel Pinho (antes da cena dos cornos). Podes ver a lista de todas as presenças lusas no tal texto acima referido

      Interessante mesmo é que desde 1988 o apresentador das estrelas lusas é o Balsemão que como viste apresentou Sócrates. E que entretanto, houve o estoiro do BPP tratado por Sócrates tem com muito carinho, com pinças. Ora no BPP um dos ricaços com muito cacau lá comprometido é o... Balsemão!!
      Estamos entendidos?

      Um beijinho

      VL

      Carlos Milho disse...

      Tb já conhecia o Clube Bilderberg e já li o livro há alguns anos. O meu pai é um estudioso destas coisas da política mundial e da teoria da conspiração, e falamos muito sobre isso.
      Um dia destes, entre um cigarro à porta da escola, debatemos estes assuntos :)
      Bjs e bom ano!!!