02 março 2009

a propaganda 'absolutamente despudorada' do ME

Chama-se Santana Castilho, é professor universitário e costuma escrever (bem, muito bem..) sobre educação. Aqui explica por que é que, depois de 4 anos de governação 'socialista', a educação está agora MUITO PIOR em Portugal. Os gastos [quem diria, com tanto magalhães 'a pataco' ?! .. ] diminuiram para quase metade .. coincidência? Mais: contra os anteriores 29, agora são 51 os anos (em termos de desenvolvimento) que nos afastam da Europa. Se alguma dúvida restasse .. .. ..

Santana Castilho em discurso directo:
  • e é responsabilidade de quem, essa ausência de seriedade? «A responsabilidade é fundamentalmente dos políticos
  • «Sejamos claros: a opinião pública não é esclarecida e é facilmente influenciável por esta máquina incrível de propaganda que o governo tem.»
  • «a questão das "novas oportunidades" é uma farsa total
  • a saída para esta crise? - «mudança de políticas, seriedade, confiança nos professores, consciência de que aprender implica trabalho

Quem é Santana CastilhoManuel Henriques Santana Castilho é professor coordenador da Escola Superior de Educação de Santarém, onde lecciona cadeiras dos últimos anos em diferentes licenciaturas, na área da Gestão. Foi o primeiro professor coordenador do quadro da instituição, que dirigiu durante nove anos, e na qual foi também presidente do conselho científico.Foi presidente do Instituto Politécnico de Setúbal e membro do VIII Governo Constitucional. Tem vasta obra publicada e é cronista do Público e director da revista de politica educativa “Pontos nos ii”. Como consultor e formador, tem trabalhado para muitas das maiores empresas portuguesas e para o Banco Mundial e União Europeia.

3 comentários:

Teresa Amaral disse...

Haja alguém que vá dizendo o que deve ser dito!

Valerie disse...

A jornalista bem tenta mas realmente, não consegue. É impossível deturpar a realidade quando esta se "mete pelos olhos dentro" (de quem quer ver, óbvio).

Os CNO's são uma farsa, os Concursos são uma farsa, a Avaliação é uma farsa...

Também gosto muito de ouvir este senhor - sem tretas, sem merdices, claro e fulcral.

Anónimo disse...

É pena que a comunicação social não invista mais tempo em pessoas que conhecem os assuntos, que os transmitem de forma clara, gente competente, honesta, com paixão e determinação, que acredita que é possível ter um País melhor.

Com estas políticas de educação, estamos a condenar o futuro.